Parentes e amigos das vítimas oram no CT do Flamengo

Dez morreram e outros três ficaram feridos em incêndio

Por Redação em 08/02/2019 às 20:34:23

familiares e amigos dos meninos, vítimas do incêndio no CT do Flamengo, se uniram em oração. Em um momento de extrema comoção, eles pediram por conforto aos enlutados na entrada do chamado Ninho do Urubu.

O fogo atingiu os alojamentos da categoria de base do clube e fez dez vítimas. Elas estão sendo identificadasà medida que as famílias são contatadas.

O presidente do Flamengo, Rodolfo Ladim, concedeu uma entrevista coletiva. Nela, afirmou que o clube está em luto pela "maior tragédia do clube em 123 anos".

- Obviamente, estamos todos consternados. Essa é, certamente, a maior tragédia que esse clube já passou em seus 123 anos com a perda dessas pessoas. Agora é tentar minimizar a dor dessas famílias. O Flamengo está cuidando disso e não irá poupar esforços para tentar fazer isso ao máximo. O Flamengo também está colaborando com as autoridades para saber as causas desse acidente. É uma tristeza enorme que a gente está sentindo - afirmou.

REAÇÕES
O presidente da República, Jair Bolsonaro, também se manifestou sobre a tragédia e se mostrou consternado.

- Nesta manhã tomamos conhecimento da triste tragédia ocorrida no Centro de Treinamento do Flamengo, vitimando jovens vidas que iniciavam sua caminhada rumo à realização de seus sonhos profissionais. Consternado, o presidente da República se solidariza com a dor dos familiares neste momento de luto - afirmou.

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, também se manifestou e, indignada, declarou que "o Brasil vive uma sucessão de desastres evitáveis". Ela se referiu ao incêndio e à ruptura da barragem em Brumadinho, Minas Gerais.

Fonte: Pleno News